Trânsito no Largo do Arnado já se processa com maior fluidez

Os condutores que se dirigem ao Largo do Arnado já podem circular com maior fluidez, reduzindo o tempo necessário para os seus trajetos, e até mesmo os percursos, no caso de quem pretende inverter a marcha. Em termos funcionais, esta nova configuração viária do Largo do Arnado proporcionará benefícios ambientais, maior rapidez e poupança de combustível. 

A operação de requalificação (que contém outras componentes), iniciada no dia 23 de dezembro, foi aprovada pela Autoridade de Gestão do Centro 2020 e conta com um investimento total de 597.087,61 euros e uma comparticipação do FEDER de 487.278,06 euros.

Os trabalhos, em curso, de conclusão da construção de uma praça central ajardinada, integram a colocação de uma escultura de Pedro Figueiredo. Além de conferir uma melhor aparência a este ponto central da cidade, o pressuposto desta requalificação passa por maximizar as áreas destinadas aos peões, minimizando, em simultâneo, os espaços de circulação automóvel. O separador central da Av. Fernão Magalhães, entre a rotunda existente e a futura praça, também se encontra a ser alargado. 

A empreitada está a ser realizada pela empresa Vibeiras e tem um prazo de execução de 180 dias.